Experience On / Big Data

As empresas que vão sair mais rapidamente da crise têm uma coisa em comum

por Elcio Santos - 07/05/2020

Business Analytics: As empresas que vão sair mais rapidamente da crise têm uma coisa em comum. Confira quais itens são essenciais pro sucesso, pós-crise.

Elas reconhecem que estamos vivendo um daqueles momentos históricos em que não apenas para crescer mas até mesmo para sobreviver as empresas precisarão empreender o que é conhecido como Mindset Shift — e estão aproveitando este momento para investir em conhecimento acerca de seus clientes e de seu negócio, ou seja, na qualidade de seus dados.

Na verdade, as empresas líderes em seus setores já vinham apostando nisso há algum tempo, pois o diferencial de seus executivos é a capacidade de enxergar os ventos da mudança.

Um novo relatório da Dun & Bradstreet, que ouviu 500 executivos responsáveis pelas tomadas de decisão em organizações voltadas para o mercado B2B, descobriu que a maioria avassaladora — 90%! — concorda que investir na qualidade de dados melhorará o desempenho de suas áreas chave, principalmente vendas ou marketing.

Não é surpreendente, portanto, que 75% deles digam que irão aumentar seus investimentos na qualidade dos dados, sendo que 18% dizem que esse aumento se dará “fortemente”.

Aqui na AlwaysON já iniciamos um processo para garantir que estaremos prontos para ajudar nossos clientes a saírem do que se define como Fixed Mindset para uma Growth Mindset, em que toda experiência passa a ser vista como uma oportunidade e não como um risco.

E isso só pode ocorrer quando a empresa dispõe de uma base de dados com qualidade indiscutível, além de métodos e processos para utilizá-los com eficiência.

Voltando ao relatório da Dun & Bradstreet, os entrevistados classificaram as três iniciativas que seriam mais impactadas positivamente por investimentos em qualidade de dados: prospecção e fechamento de vendas, insights do consumidor a partir das análises e execução de campanhas.

Em uma pesquisa mais recente, a Dun & Bradstreet descobriu que 68% de um grupo de 115 clientes de empresas B2B disseram que dados precisos dos clientes são ainda mais importantes durante a crise do COVID-19.

Business Analytics

Alguns dados adicionais da pesquisa apontam como o COVID-19 está afetando o cenário de vendas e marketing B2B:

Efeito nas reuniões de vendas: 58% dos entrevistados viram uma diminuição no número de primeiras reuniões de vendas desde o início de 2020.

Impacto do trabalho remoto: apesar da mudança para o trabalho remoto, 36% das equipes de vendas e marketing estão mais alinhadas do que o habitual, 50% dizem que o alinhamento permaneceu o mesmo e apenas 10% estão menos alinhados.

Novos desafios a serem superados: Os principais desafios enfrentados pelas equipes para o crescimento contínuo durante a pandemia do COVID-19 são garantir tempo de atendimento com os clientes (34%), orçamentos reduzidos (30%), dificuldades em coordenar os tomadores de decisão (11%) e uma redução nos leads (10%).

Especificamente em relação ao primeiro ponto — dificuldade de reuniões presenciais (e também seminários e conferências, que tinham papel destacado no processo de prospecção) — estamos implementando um método extremamente eficiente — e descomplicado! — para nossos clientes.

Se você quer saber mais, marque uma reunião virtual com um dos nossos especialistas.

Descomplique já

Fale com um dos nossos especialistas em Estratégia do Consumidor